menu
Topo
Bru Fioreti

Bru Fioreti

Categorias

Histórico

Tome estas 5 providências e faça de 2018 o melhor ano da sua carreira

Bru Fioreti

01/01/2018 08h00

Se até aqui você titubeou nas resoluções para o ano-novo, dê a si mesmo a chance de fazer pequenas mudanças que podem ter um impacto grande na sua carreira ao longo do ano.

Especialistas mostram que a maior parte dos objetivos é cumprida quando eles são divididos em metas menores — portanto, até o mais ambicioso dos projetos passa por pequenas atitudes. Sementes comportamentais, digamos assim.

As que recomendo logo de cara:

1. Aprofunde-se no que já tem talento

Suprir lacunas profissionais é importante, mas o que vai fazer você se destacar da média dos profissionais da sua área é aquela pequena área na qual já é bom, mas pode se tornar excepcional.

Essa abordagem, defendida por estudiosos e coaches que usam métodos da Psicologia Positiva (eu me incluo neste grupo), faz com que você tenha muito mais engajamento profissional e, portanto, chances de atingir melhores resultados — é que a motivação cresce e você entra com mais frequência no chamado estado de "flow", misto de desafio e alto uso de habilidades pessoais que faz perder a noção do tempo.

Separe um tempinho toda semana para se aprofundar no tema em questão, estudando, praticando, trocando experiências com quem o domina há mais tempo. Esse esforço extra semanal, em alguns meses, terá um impacto visível na sua performance.

Dedicar-se a um hobby toda semana é uma das pequenas providências com grande impacto em 12 meses (Foto: Pexels)

2. Faça anotações diárias

Se você se interessa por desenvolvimento pessoal, certamente já teve acesso a essa recomendação. Então por que não tenta?

Vários estudos demonstraram o poder de anotar ideias e fazer planos — os principais benefícios são a clareza, fundamental para focar nas atividades e evitar ansiedade, e o aumento da autoeficácia (a crença na própria capacidade de realização).

Para criar este hábito:

  • separe um caderno para chamar de seu, de preferência um que caiba na bolsa para andar com você para cima e para baixo.
  • se fizer a linha mais tecnológica, use um aplicativo como o Evernote para criar pastas de anotações pessoais.
  • defina um momento do dia para se dedicar à autoanálise, sugiro pela manhã, para escrever as intenções para o dia e anotar pensamentos quando você está no auge do relaxamento; ou à noite, para fazer um balanço do dia e planejar o seguinte. Dá para anotar muito mais, porém só este pequeno passo, 5 minutinhos diários, já terá um belo impacto na sua produtividade.

3. Pare de brincar e encare o networking como gente grande

Criar novas conexões com pessoas interessantes e cultivar relacionamentos não é importante apenas para grandes executivos. Networking é o que faz você crescer como pessoa e como profissional, porque pressupõe troca de conhecimentos e de contatos, o que traz benefícios que vão desde um frugal jantar na quinta-feira até um novo e sonhado emprego.

A melhor maneira é se engajar de fato com os contatos que já tem, dando aquele olá nas redes sociais, chamando para um café sempre que possível, compartilhando um contato quente ou um artigo que vá ser útil para a pessoa.

Comece por aí, revendo semanalmente quais pessoas vai cultivar nos próximos dias dentro de uma lista principal — tomar essa atitude uma vez por semana já é bem mais do que você anda fazendo, fala a verdade!

Outra ideia: listar as pessoas das quais quer genuinamente se aproximar e propor algo a uma delas uma vez por mês, ao menos, de preferência contribuindo para seu crescimento em vez de sair pedindo um favor.

4. Comece um hobby que aumente sua motivação

Não precisa ser um hobby daqueles pirotécnicos, como praticar escalada. A graça é ser uma atividade estimulante para você, ainda que pareça banal aos olhos dos outros. Na verdade, a opinião dos outros não importa!

Para encontrar seu hobby, pense no que gosta de fazer no tempo livre, de preferência saindo da esfera "ver séries/dormir" — não que isso seja errado, mas vamos avançar na ideia pensando em benefícios profissionais secundários, cogitando coisas que conectem você a outras pessoas, tragam algum desafio ou façam você se sentir "vivo", animado.

Algo que mexa com seu corpo? Esporte? Leitura? Grupos de estudos? Colecionar algo? Pintar? Rabiscar? Escrever? Cozinhar? Visitar lugares novos? Fazer jardinagem? Pesquisar filmes antigos? Construir algo do zero?

Seja qual for sua escolha, tente construir uma rotina semanal para a prática.

5. Adote um planejamento semanal

Uma pequena providência e certamente a de mais impacto na sua vida: todo domingo parar por 15 minutos e organizar o que quer para os próximos sete dias. Sim, tem que anotar para que isso saia da esfera mental e se torne um plano!

Tente ir além das tarefas corriqueiras que você já colocaria no calendário, como horário de trabalho, pagar contas, ir ao supermercado, academia e afins. Pense nas atividades maiores que adoraria encaixar na sua vida e que podem fazer você realizar seus sonhos profissionais.

Da ida ao cinema que anda ficando para depois aos primeiros passos para iniciar seu plano B, como poderia encaixar isso na agenda? Quais providências práticas vai tomar nesta semana?

Escrever tudo e distribuir nos dias o que for possível, de modo realista e sem firulas, simples assim. Faça disso um hábito começando… já no próximo domingo!

Sobre a autora

Bruna Fioreti é coach de vida e carreira, jornalista e consultora de branding pessoal e conteúdo. Ministra cursos e palestras sobre carreira, estilo, produtividade e temas femininos pelo Brasil - expertise desenvolvida em cinco anos como redatora-chefe da revista Glamour. Com MBA em Coaching em curso e seu projeto Manual de Você, realiza dezenas de atendimentos individuais e dissemina o conceito de #autocoaching nas redes sociais.

Sobre o blog

Dicas e reportagens sobre carreira, com foco nas mulheres que buscam satisfação, foco, produtividade e aprimoramento da imagem profissional. Um espaço para falar das tendências da área, que vai te ajudar a atingir a melhor performance da empresa chamada VOCÊ.